terça-feira, agosto 28, 2012

Mais um dia...

Eu ia tomar meus remédios e ir dormir. Mas resolvi voltar aqui pra frente do meu fiel companheiro, o computador, e escrever um pouco sobre meu dia.
Porque há dias mais difíceis que os outros.
Assim como há dias de trabalho mais árduos, há dias em que as mães sentem vontade de mandar os filhos pra casa da avó, há dias em que os doentes estão cansados de serem doentes (acho que isso acontece quase todos os dias, com exceção dos raros dias em que me esqueço que estou doente).
Até que tenho conseguido me distrair bem agora, esses tempos de política, e eu adoro isso. Mas sinto falta de estar no meio do povo, ouvindo os burburinhos. Ainda bem que já existem burburinhos virtuais.

Tenho reagido bem a quimioterapia. O protocolo que estou fazendo agora se chama GIV. Eu fiz 5 dias de quimio, entre o dia 30 de julho e 3 de agosto. A quimio dura cerca de 6 horas, e eu poderia ir pra casa todos os dias, com a condição de estar bem. E assim foi, mas não vim pra casa, ficamos na casa de amigos em Maringá mesmo. Era pra eu ter feito o reforço no dia 6/08, mas minha imunidade já tinha baixado muito e estava com anemia. Então retornei no dia 13. A anemia tinha piorado e tive que tomar sangue. E o Filgrastin pra imunidade (que dor terrível que eu senti). Tomei a Filgrastin por 3 dias e na sexta-feira fiz o reforço.

Hoje era pra ter começado o segundo ciclo do protocolo, mas a anemia falou mais forte de novo, e tive que tomar sangue. Quimio só semana que vem.Mas parece que eu já tinha certeza disso. Minhas tonturas não me enganam. Triste foi passar o fim de semana sem ver minha corujinha linda porque minha imunidade estava baixa.

Acho que é o cansaço, mas estou especialmente triste. Juro que isso não tem sido mais frequente. Eu já aprendi que não posso querer atropelar o tempo, que as coisas vão acontecendo exatamente como têm que acontecer. Que as pessoas certas entram em nossas vidas e nos surpreendem, e nos ajudam e vão fazendo com que o tempo seja algo mais leve de carregar. 

Os remédios têm me ajudado muito a me manter calma, tranquila e a ver que realmente a vida é uma coisa muito legal. Lutar para viver não é em vão. Pelas pessoas que amo, pelo ofício que amo, por tudo que amo... vale a pena viver.
E fazia tempo que eu não via coisas que tenho visto, e tempo que eu não sentia coisas que venho sentindo...

Outro dia comentei com a Alline (preguiçosa que ainda não me mandou o relato dela pra eu por aqui :P), que apesar de tudo que nós sofremos, esse sofrimento nos torna capazes de ver na vida pequenos momentos intensos de felicidade que as outras pessoas não veem. Como a Alline postar no Facebook toda contente que estava comprando amarradores de cabelo, e eu chorar de alegria em ler isso. 
Falando em cabelo, o meu está pavoroso. Ele nasceu só pra poder ter o prazer de cair de novo, e está num estado crítico terrível. 4 vezes careca.

Pra terminar, uma boa notícia: meu pedido através do Ministério Público do TFD pra quando eu for fazer o transplante foi deferido pelo juiz. Agora vou entrar com o pedido dos retroativos. Justiça, minha gente, justiça. Lhes adianto que não quero essa vitória só pra mim, quero pra todos que têm direito a ela. Esperem só eu sarar pra verem (torçam por isso). Por hora eu mal tenho força física e mental pra resolver pra mim, mas tão logo estiver com a saúde restabelecida brigarei pelos que precisam.

Hoje, desejo isso a mim, meu egoísmo me permite, mas também a quem mais precisar: FORÇA E FÉ. 

2 comentários:

Karina Marques disse...

Olá,

Acabei caindo aqui no blog, por conta de amigos comuns.
Desejo de coração que tenhas força, fé, sorte, esperança, amor, tranquilidade, tudo o mais que for preciso pra enfrentar essa fase e que tudo passe bem rápido.
Sou de Maringá, passei dificuldades com a saúde da minha filha, hoje com 6 meses, e sei bem como é difícil a rotina de hospital, exames e tratamentos.
Caso precise, pode contar comigo.

Paz, abraços,
Karina
@lindascores

Cão Feliz disse...

No site de estatísticas do meu blog "Cão Feliz" vi que seu site me mandou uma visita... Vi que ele está entre seus "preferidos". Ia passar para agradecer de coração a recomendação e acabei por segui-lo também.

Passo para te dar forças para superar esse momento difícil da sua vida, mas que te fortalecerá para seguir adiante.

Muita fé no coração, força e superação ;)
Já somos amigos no twitter! Se quiser conversar estarei lá por você,
Grande Abraço do seu novo "leitor"
Vítor ;)))